Organização é sinônimo de qualidade de vida e redução de custos

 

A falta de organização e de planejamento podem ser responsáveis por diversos fatores negativos, como cansaço, falta de tempo para se divertir, atrasos, falta de eficiência no trabalho e estresse. Em contraponto a isto, aqueles que compreendem a necessidade de se ter uma vida organizada são capazes de diminuir o tempo gasto nas tarefas e serem mais eficientes em suas profissões e rotina doméstica. Organização também ajuda as pessoas a consumirem com mais consciência, o que gera uma considerável redução de gastos.

“A organização é fundamental para melhorar as condições pessoais e também profissionais”, diz Juliana Faria, personal organizer da YRU Organizer. Ela explica que quando se organiza um escritório ou mesmo um armário, os efeitos transcendem seus espaços e atingem a rotina, que se torna mais produtiva e feliz. Esse conceito pode ser aplicado de várias formas e seus reflexos podem ser encontrados em pequenas ações, como as que Juliana exemplifica nas dicas abaixo:

- Mantenha o armário organizado! Utilize caixas organizadoras, cabides corretos e ocupe todo o espaço com peças úteis. Um armário organizado de forma correta pode ser divido em categorias como: estação, trabalho/lazer ou até, cor. O resultado é menos confusão na hora de se vestir e conseguir visualizar tudo o que se tem. O tempo economizado na tarefa pode ser utilizado de diferentes modos como: melhorar o sono, ler, trabalhar, cuidar dos filhos, estudar ou mesmo curtir com o(a) namorado(a).

- Otimize o espaço. As casas e apartamentos estão cada vez menores e quando o espaço é limitado manter a organização evita o estresse de se viver em um ambiente desarrumado, em que nada parece caber em lugar nenhum e onde tudo se perde com facilidade. Aproveite cada canto, evite móveis gigantes e dê preferência para os multiusos. Prateleiras podem colaborar, pois elas ocupam um espaço pouco utilizado.

- Utilize a regra: menos é mais! Reduzir a quantidade de itens armazenados é muito importante. Quanto menos objetos no local, maior a sua eficiência e menos estresse para encontrar o que precisa, principalmente, nos momentos de pressa.

- Valorize o que possui. Pessoas organizadas passam a consumir com consciência! Sejam roupas ou qualquer outro bem, é preciso adquirir itens conforme a necessidade. Ame tudo o que tem, mesmo que não tenha tudo o que ama.

- Curta a sua casa. Manter a casa arrumada torna o ambiente agradável e dessa forma é possível curti-la cada vez mais, inclusive convidando os amigos para o jantar e consequentemente economizando com o restaurante ou bar.

Fonte: http://saopaulotimes.com.br/

 
Esta entrada foi publicada em Artigos e marcada com a tag , , , . Adicione o link permanente aos seus favoritos.

Os comentários estão encerrados.