Aprenda a deixar seu evento interativo e conquistar o público

 

Já parou para pensar que empresas organizadoras de bons eventos na área em que atuam sempre são lembradas de maneira positiva? Pois é por isso que os responsáveis pela sistematização e logística desse tipo de produção devem se atentar aos mínimos detalhes, cuidando para que tudo saia conforme o planejado. Assim, desde a contratação dos fornecedores, passando pela impressão e divulgação do material gráfico, até se chegar ao feedback dos participantes, tudo precisa estar alinhado ao objetivo principal do evento (que, na maioria dos casos, é a divulgação da empresa organizadora).

E essa premissa também se aplica à questão da interatividade, afinal, estamos vivendo uma era em que a tecnologia e a interação são fatores fundamentais na vida das pessoas. Por isso, organizar um evento interativo, que permita que os participantes agreguem novos conhecimentos, ampliem seu networking ou simplesmente se entretenham durante alguns momentos pode transformar a ocasião em um grande sucesso. Com isso, as vantagens para a empresa só aumentam!

Que tal aprender a deixar seu evento corporativo interativo e conquistar de vez seu público-alvo? Então confira nosso post de hoje:

Público participante

Esse definitivamente precisa ser o primeiro passo. É simples: toda a organização do evento tem que ter como premissa atrair e agradar o público-alvo. Mas quem são esses participantes? Qual é a faixa etária média? O público será composto só por mulheres, só homens ou será misto? O que eles buscam ao se inscrever no evento? Coletadas essas informações, fica muito mais fácil determinar como deve ser o evento e o que ele disponibilizará em relação à interatividade.

Apenas mais um detalhe: tenha sempre em mente que toda e qualquer ação de interatividade contratada também precisa estar alinhada aos propósitos da empresa organizadora e à imagem que ela deseja passar. Não se esqueça, afinal, de que o evento funcionará como uma vitrine para contatos e interação entre clientes e fornecedores.

Ações promocionais

Sabia que a interatividade pode estar presente até mesmo em ações pré-evento? É o caso da divulgação de conteúdo relevante para os prováveis participantes, por exemplo. A empresa pode criar campanhas de e-mail marketing com conteúdo interativo (como vídeos com dicas) e ter um site estruturado para divulgar o evento. Só essa iniciativa já pode despertar o interesse de diversos outros participantes.

Divulgar o evento em publicações e na imprensa especializada da área também pode render bons frutos. É possível, inclusive, selar parcerias com as editoras especializadas, permitindo que elas montem um estande no evento em troca da divulgação. Contar com o apoio dessas e outras parcerias, disponibilizando um local no evento onde possam divulgar seus lançamentos e promover atividades interativas com o público é uma ótima pedida. Sua presença pode, inclusive, atrair mídia espontânea, dando maior visibilidade à empresa organizadora.

Escolha interativa

Como já foi dito anteriormente, até mesmo a interatividade em eventos precisa estar alinhada aos propósitos e objetivos da empresa organizadora. As ações devem, portanto, transparecer a ideologia da empresa e apontar objetivos, além de, é claro, mostrar afinidade com o público.

Antes de optar por uma ou outra alternativa, porém, conheça bem o local onde o evento será sediado e quanto você dispõe no orçamento para esse ponto. Pense bem: de nada adianta contratar uma excelente banda, que demande uma grande área para montar o palco, se o espaço disponível para isso é insuficiente!

Para você não correr o risco de ficar sem ideias, listamos aqui algumas sugestões de entretenimento interativo que podem fazer toda a diferença em seu evento corporativo. Curioso? Veja só:

Bandas

Bandas costumam ser o entretenimento mais comum em eventos corporativos. E não é para menos! Elas deixam as pessoas mais à vontade e, consequentemente, promovem uma maior interação entre os participantes. Só vale ficar atento ao escolher o repertório e o tipo de música, que têm que estar alinhados com os gostos do público-alvo e também com a imagem que a empresa organizadora gostaria de passar.

Workshops e oficinas

Organizar workshops e oficinas interativas é uma ótima maneira de oferecer um conteúdo diferenciado aos participantes do evento. Por meio da orientação de profissionais e especialistas no assunto, as pessoas podem não só se divertir como aprender algo novo. Não parece ser a melhor combinação?

Shows de comédia

Os shows individuais de comédia (ou stand-ups) estão bastante em alta atualmente. Neles, os comediantes interagem com o público, conseguindo fazer humor sobre praticamente qualquer assunto. As grandes vantagens desse tipo de entretenimento é que ele realmente prende a atenção do público e ao menos algumas das questões levantadas durante o show podem ser previamente acordadas. Dessa forma, você pode trazer à tona assuntos relevantes para o evento, mas de uma maneira extremamente leve e bem-humorada.

Cabines fotográficas e caricaturas

Apesar de esses tipos de entretenimento não abrangerem todos os participantes ao mesmo tempo e terem uma duração curta, podem ser bastante frutíferos para divulgação do evento. Isso porque, ao tirar fotos na cabine ou se sentar para ser desenhado por um caricaturista, o participante acaba levando para casa uma lembrança física do evento, que pode servir como uma divulgação da empresa ou como uma reafirmação da marca ou do produto.

Teatro de improviso

Assim como os shows de comédia, o teatro de improviso é uma excelente maneira de manter o público atento e promover a empresa organizadora. Nesse tipo de espetáculo, um grupo de teatro cria cenas improvisadas tendo como temas assuntos sugeridos pela própria plateia. Isso acaba criando uma conscientização do público sobre questões importantes e recorrentes no ambiente corporativo de uma maneira lúdica e divertida. Se o evento corporativo em questão for um treinamento interno, por exemplo, o teatro de improviso pode ser utilizado como uma forma sutil de trabalhar questões importantes para a empresa.

Fonte: www.copastur.com.br

 
Esta entrada foi publicada em Artigos e marcada com a tag , , , , , . Adicione o link permanente aos seus favoritos.

Os comentários estão encerrados.